Contador de Histórias

Home Ações e Programas Contador de Histórias

Em parceria com a Associação Viva e Deixe Viver, o Hospital do Subúrbio recebe semanalmente a visita de “contadores de histórias” que desenvolvem atividades culturais, educativas, recreativas e assistenciais junto às crianças internadas no hospital. O objetivo é levar entretenimento e informação educativa através da leitura e do brincar, transformando a internação hospitalar em um momento mais alegre e agradável para crianças e adolescentes, e contribuindo para o bem estar desses pacientes e seus familiares.

A arte de contar histórias envolve os mais variados recursos: desenhos, dobraduras, marionetes, livros e filmes. Para atuar no hospital, os contadores de histórias – pessoas de formações diversas que prestam serviço voluntário à associação – passam por um extenso processo de seleção que dura de nove meses a um ano e capacitação constante.

De maneira consciente e comprometida, os contadores de histórias semeiam alegria, respeito, paz, união e criam “mundos encantados” no imaginário de crianças. Para o HS, esse é um verdadeiro trabalho de humanização que contagia pacientes, acompanhantes e sua equipe de profissionais. Histórias e brincadeiras carregam valores e sentimentos, e contribuem para minimizar o sofrimento causado pela doença, proporcionar momentos de felicidade e, até mesmo, reduzir o tempo de internação.

Parceira do HS nessa ação humanizadora, a Associação Viva e Deixe Viver é uma entidade sem fins lucrativos, não governamental, certificada pelo Ministério da Justiça como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip). Em Salvador, atua sob a responsabilidade da Santa Casa de Misericórdia da Bahia, alcançando outros hospitais e casas de apoio. Além do estado baiano, a entidade está presente em Brasília, Ceará, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e São Paulo.