Farmácia Clínica do HS apresenta case em seminário da SBRAFH

Home Notícias do HS Farmácia Clínica do HS apresenta case em seminário da SBRAFH

A coordenadora Isabella Guimarães compartilhou experiências da Farmácia Hospitalar do HS

Compartilhar as experiências entre os serviços de Farmácia de diferentes instituições hospitalares foi o objetivo do I Seminário de Cuidado Farmacêutico da regional Bahia da Sociedade Brasileira de Farmácia Hospitalar (SBRAFH). O evento, realizado no dia 9 de novembro, reuniu, no Hospital Jorge Valente, profissionais e estudantes da área, promovendo uma discussão sobre distintos cases em Farmácia Clínica.

O Hospital do Subúrbio (HS) participou do seminário, representado por Isabella Guimarães, coordenadora clínica da Farmácia Hospitalar. Encontros do gênero têm sido promovidos pela SBRAFH, com o intuito de proporcionar o intercâmbio de conhecimentos e de práticas.

Isabella Guimarães expôs case para profissionais e estudantes

Além do case sobre Farmácia Clínica, do HS, o I Seminário de Cuidado Farmacêutico contou com exposição de casos do Hospital Português, Hospital das Clínicas e Hospital Jorge Valente. Representando essas instituições, estavam Valnélia Fraga, supervisora de Assistência Farmacêutica do Hospital Português; Mateus Viana, farmacêutico clínico do Hospital Jorge Valente; e Alysson Brandão, chefe da Unidade de Farmácia Clínica do Hospital Universitário Prof. Edgard Santos/UFBA.

“A Farmácia Clínica é um campo em ascensão na profissão farmacêutica, ainda com atuação restrita, e o objetivo desses eventos é compartilhar experiências entre as instituições que já praticam este tipo de cuidado farmacêutico, além de apresentar o ‘como fazer’ aos profissionais e estudantes que ainda não atuam na área”, explicou Isabella Guimarães. “Foi uma experiência muito gratificante apresentar o trabalho desenvolvido na instituição, em benefício ao paciente do SUS”, destacou a coordenadora da Farmácia Hospitalar do HS.

O serviço de Farmácia Clínica do Hospital do Subúrbio visa o uso racional dos medicamentos e a prevenção de eventos decorrentes da terapia medicamentosa no âmbito hospitalar, a fim de garantir a segurança do paciente assistido.