Hospital do Subúrbio promove encontro entre secretário municipal de saúde e lideranças comunitárias

Home Notícias do HS Hospital do Subúrbio promove encontro entre secretário municipal de saúde e lideranças comunitárias

DSC07149Lideranças comunitárias do Subúrbio Ferroviário de Salvador participaram, nesta sexta-feira (04.12), de uma reunião com o secretário municipal de Saúde, José Antônio Rodrigues Alves. Promovido pela unidade de saúde, o encontro contou com a participação da diretora-geral do HS, Dra. Lícia Cavalcanti, o diretor-técnico Jorge Motta, a coordenadora do Serviço Social, Simone Alencar, e a assistente da diretoria, Luci Souza. Cinco membros de comunidades locais tiveram a oportunidade de apresentar suas reivindicações e puderam ouvir do próprio chefe da pasta o que é possível fazer e as limitações existentes.

Cobertura dos agentes comunitários de saúde, abrangência maior de agentes de endemias, a criação de uma unidade de saúde do Programa Saúde da Família (PSF) no Paraguari, a instalação de uma Policlínica na região de Periperi, e na região de Colinas de Periperi, um posto em Colinas, uma Unidade Básica de Saúde (UBS) de Periperi, além da possibilidade de uma área clínica para atendimento dos usuários de drogas.

“A mudança do Adroaldo Albergaria para se tornar uma unidade de urgência e emergência foi um erro. Mas não foi na nossa gestão. E o posto não fechou e voltou a abrir como se fosse UPA. O posto fechou para se transformar numa UPA. Essa decisão foi publicada no Diário Oficial. E com o conhecimento de todos. E isso foi feito num momento em que existiam outras alternativas de funcionalidade, a exemplo do PA de Plataforma, que seria expandido, além do Hospital João Batista Caribé. Talvez a gente esteja abrindo mais uma UPA, em Paripe, exatamente porque não deu certo o modelo da obstrução dos serviços de emergência do Caribé e a UPA de Escada teve uma série de problemas, no sentido da sua funcionalidade”, esclareceu o secretário.

Para o líder comunitário do Paraguari, Genivaldo Ribeiro, conhecido como Tico, a iniciativa é única e precisa ser valorizada, além do saldo da reunião de ser positivo. “Esperamos que tudo que tenha sido dito, seja colocado em prática. E que a nossa comunidade seja a principal beneficiada”.

O coordenador do Fórum de Entidades Representativas do Subúrbio Ferroviário (Fersub), Alberto Santos, enfatizou que as comunidades de Periperi, Mirantes de Periperi, Colinas de Periperi, Praia Grande, Nossa Senhora de Fátima, Antônio Teixeira, Manoel Paulo e outras não têm assistência à saúde e não contam com a devida cobertura do PSF. “O Hospital do Subúrbio está de parabéns ao promover estas iniciativas. É um exemplo de exercício de gestão participativa, na prestação de constas, além de fazer questão de envolver as lideranças e sociedade para discutir a saúde na região”.

Participaram também da reunião, a representante do Movimento de Mulheres Colinas III Pastoral da Criança, Eliana Patrícia, e o representante da Frente do Subúrbio, Natan Santos.