Semana das Crianças aborda educação alimentar e direitos do ECA

Home Notícias do HS Semana das Crianças aborda educação alimentar e direitos do ECA

Equipe da Nutrição com crianças e acompanhantes

Apresentações musicais, lanches especiais, contação de histórias, palestras sobre alimentação saudável e direitos da criança e do adolescente. A programação do Hospital do Subúrbio (HS) desenvolvida pelas equipes de Serviço Social, Nutrição e Escola Hospitalar (Programa Criança Viva) para comemorar a Semana da Criança, em virtude do seu dia, 12 de outubro, foi farta e animada.

Os profissionais de Nutrição do HS mostraram na teoria e na prática que é possível comer alimentos saudáveis e ao mesmo tempo saborosos. Através de atividades envolvendo gravuras e balões de festa, associadas a uma palestra sobre educação alimentar no primeiro dia de atividades (10 de outubro), pacientes da Pediatria e acompanhantes aprenderam quais os alimentos certos para estar com a saúde em dia. Nos dias 11 e 12 de outubro, foi a vez de experimentar os lanches preparados com a expertise da equipe de Nutrição, tanto no refeitório quanto nos leitos para as crianças que deles não podiam sair.

O grupo da terceira idade “Fonte de Vida”, do Serviço Social do Comércio (Sesc Bahia), também se juntou aos profissionais do HS, no dia 11, para tornar ainda mais alegre a Semana da Criança. Os integrantes do grupo fizeram uma apresentação para pacientes e acompanhantes, além de visitarem as enfermarias, quando entregaram presentes e interagiram com os usuários.

Sob a prerrogativa de que toda criança é sujeito de direitos, temas relacionados ao Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), bullying, violência sexual, maus tratos e educação escolar foram discutidos pela equipe de Serviço Social e pelas professoras da Escola Hospitalar, no dia 13. Jovens da comunidade do Subúrbio Ferroviário, acompanhados pelo professor Alexsandro Ornellas, ainda levaram música às crianças através de apresentação da Orquestra Flauta Doce.

Para encerrar o calendário de atividades, na tarde de 14 de outubro, os contadores de histórias da Associação Viva e Deixe Viver criaram mundos imaginários, mexendo com a criatividade de adultos e crianças. A trilha sonora ficou por conta do solo musical de Rafaela Barbedo e da apresentação das assistentes sociais Daniele Victória e Márcia Barbedo.