Central Estadual de Regulação parabeniza eficiência do HS

Home Notícias do HS Central Estadual de Regulação parabeniza eficiência do HS

A relação de parceria entre o Hospital do Subúrbio (HS) e a Central Estadual de Regulação da Bahia (CER-BA) mereceu destaque, na quinta-feira, 26 de maio, durante reunião da Diretoria do HS com a diretora de Regulação da Assistência à Saúde, Vicenza Lorusso, e a coordenadora técnica da CER, Myrian Bittencourt. No encontro, estavam a diretora médica do HS, Lícia Cavalcanti, o gerente médico, Jorge Motta, e a coordenadora médica da Unidade de Urgência e Emergência, Margarida Miranda.

A diretora de Regulação, Vicenza Lorusso, e a coordenadora técnica da CER (à dir.), Myrian Bittencourt

A eficiência e comprometimento do trabalho desenvolvido pela equipe do hospital, em especial no processo de encaminhamento dos pacientes à unidade pela Central de Regulação, foram apontados por Vicenza Lorusso como fatores que traduzem o bom desempenho do HS junto ao órgão estadual. “Hoje, temos uma parceria excelente com o hospital. Sabemos que podemos contar com ele para trazer os pacientes, inclusive aqueles que envolvem casos mais complicados. As portas do Hospital do Subúrbio estão sempre abertas”, avaliou a diretora de Regulação.
A opinião positiva acerca do trabalho do HS foi compartilhada pela coordenadora técnica da Central Estadual de Regulação, Myrian Bittencourt, que ressaltou uma das práticas do hospital responsáveis por agilizar o encaminhamento de pacientes. “Geralmente conseguimos conversar diretamente com o médico plantonista para obtermos a autorização para a entrada de pacientes críticos. Assim, não precisamos contatar antes a Diretoria, exceto em casos extremos”, pontuou Myrian. Com essa medida, ganha-se tempo sem perder a garantia da prestação de uma assistência adequada. Segundo a coordenadora da Emergência do HS, Margarida Miranda, cerca de 280 pacientes chegam por mês ao hospital, direcionados pela Central de Regulação.
O atendimento e o tratamento humanizados de pacientes e acompanhantes foram igualmente elogiados por Vicenza e Myrian. Elas acreditam que o sucesso do Hospital do Subúrbio não vem apenas do modelo de parceria público-privada que o caracteriza, mas principalmente das pessoas que nele trabalham, comprometidas e apaixonadas pelo que fazem. “A humanização começa quando o paciente é atendido, diagnosticado e o seu problema resolvido. O que promove essa humanização é a eficiência no atendimento”, resume Vicenza Lorusso. Para a diretora médica do HS, Lícia Cavalcanti, o reconhecimento da atuação do hospital pela Central de Regulação gratifica toda a equipe e a estimula a prestar uma assistência cada vez melhor e mais humanizada.
Após a reunião, a diretora e a coordenadora técnica da Central Estadual de Regulação aproveitaram para ver o funcionamento dos serviços no hospital, sendo acompanhadas pela coordenadora da Emergência, Margarida Miranda.